, , , ,

[Li até a página 100] O restaurante no fim do universo - Douglas Adams

12:36


Primeira frase da página 100:
"Sua negrura era tão extrema que era difícil dizer quão próxima ela estava."

Do que se trata o livro? 
O livro dá continuidade às aventuras pelo espaço de Arthur Dent, Ford Prefect, Zaphod Beblebrox (o presidente fugitivo da galáxia), Trillian e o robô Marvin, iniciadas no livro O guia do mochileiro das galáxias. Nesse segundo livro a viagem planejada até o restaurante no fim do universo é interrompida por um ataque dos temidos Vogons e o estranho desaparecimento de Zaphod e Marvin. 

O que está achando até agora?
Estou amando. O livro é muito engraçado, cheio de irônias e críticas à sociedade. 

O que está achando do(a) personagem principal ? 
No caso são os personagens principais. Arthur Dent é um cara bem na dele , apaixonado por chá , que ainda está se adaptando com a nova vida no espaço e com isso mete os pés pelas mãos de vez em quando. Ford Prefect sabe ser mais atrapalhado que Arthur Dent e já era amigo de Arthur (disfarçado de terráqueo) quando o planeta Terra ainda existia. Zaphod Beblebrox é o presidente, egocêntrico,  da galáxia e agora fugitivo por ter roubado a nave Coração de Ouro. Trillian é uma terráquea assim como Arthur, porém é a mais pé no chão de todos e Marvin é um robô super depressivo.


Melhor quote até agora :

São tantos trechos legais que eu não consegui escolher só um ...

Por mais peculiar que esse comportamento possa parecer, não há uma única forma de vida na Galáxia que não possa ser acusada, de algum modo, dessa mesma coisa, e justamente por isso que o Vórtice da Perspectiva Total  é tão horripilante assim.
Quando você é posto no Vórtice, tem um rápido vislumbre de toda a inimaginável infinitude da criação, e no meio disso, em algum lugar, há um marcador minúsculo, um ponto microscópico colocado sobre outro ponto microscópico dizendo "Você está aqui".

4. População Nenhuma.
É fato conhecido que há um número infinito de mundos, simplesmente porque há um espaço infinito para que esses mundos existam. Todavia, nem todos são habitados. Assim, deve haver um número finito de mundos habitados. Quaquer número finito dividido por infinito é tão perto de zero que não faz diferença, de forma que a população de todos os planetas do Universo pode ser considerada igual a zero. Disso podemos deduzir que a população de todo o Universo também é zero, e que quaisquer pessoas que você possa encontrar de vez em quando são meramente produtos de uma imaginação perturbada.

Vai continuar lendo ?
Com certeza.

Última frase da página:
"Marvin arrastou-se em direção a eles."

Você poderá gostar também de:

10 comentários

  1. Ah, eu quero muito ler essa série.
    Só vejo elogios, quero saber se é bom mesmo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa é óootimo , eu dou risada o tempo todo.

      Excluir
  2. Oie linda, tudo bem?
    Primeiramente quero te agradecer pela sua visitinha em meu blog e dizer que adorei o seu cantinho, principalmente suas postagens que são muito boas.
    Daqui pra frente vou passar a te acompanhar viu?
    Outra coisa, queria dizer que sempre fiquei interessada em ler esse livro, mas nunca tive oportunidade, porque tinha receio de comprar e n gostar.
    Mas vou esperar que vc leia e coloque a resenha dele aqui.
    Se eu gostar eu compro sem duvida.
    Enfim...Espero que venha me visitar e que possamos ser boas amigas
    Se cuida linda

    E olha se vc quiser, pode pegar um BANNER do I LOVE MY BOOKS pra colocar na lateral do seu blog ------------->
    Se quiser eu coloco vc nas minhas parcerias viu?
    Se cuida

    lovereadmybooks.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu que agradeço flor *0* . Olha que coisa boa, a gente pode fazer parceria sim, vai ser bacana. Mais tarde eu coloco o banner, tenho aula agora :/

      Se cuida também

      Excluir
  3. Sou fã da séria, do autor. Continue lendo mesmo, você não vai se arrepender. Depois coloque a resenha aqui que eu quero conferir!

    M&N | Desbrava(dores) de livros

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aaah também acho que não vou me arrepender kk , estou gostando muuito .

      Excluir
  4. Uau. Gostei do "Li Até a Página Cem", bem interessante. Boa maneira de compartilhar uma leitura.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não é?! O bom é que até a página 100 a gente já tem uma noção e consegue já passar mais ou menos a essência do livro *0*.

      Excluir
  5. Olá! Indiquei você em uma tag: http://www.bibliophiliarium.com/2014/02/tag-doencas-literarias.html Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aaaah que tudo flor. Obrigada por ter me marcado, adoro essas tags (:

      Excluir

Instagram Jéssica

Comentários Recentes