,

Quando o melhor é deixar ir

13:19



A gente jurou que seria pra sempre. Jurar realmente, dizer em voz alta...Não. Mas a gente jurou. 

Logo a gente que sempre se deu tão bem, que se encaixava como tampa da panela, que mesmo querendo não ser aquele tipo de casal que tem certeza de tudo, acabamos sendo. Por muito tempo o que a gente mais teve foi certeza, mesmo que tudo fosse incerto. Mesmo que as pessoas não acreditassem, a gente acreditou. A gente quis. A gente tentou até onde pôde.

E onde não pôde.

De repente, todas as certezas pareciam não fazer sentido. Todos possíveis caminhos pareceram sumir. Todo o amor não se mostrou tão forte assim. Antes aquilo que nos dava mais força, nos destruía aos poucos. E a gente não queria isso. A gente não queria perder tudo aquilo que foi construído levando tudo com a barriga até não sobrar mais nada.

Foi difícil admitir. Mas não dá mais.

Não dá mais pra fechar os olhos e fingir que está tudo bem. Não está. Não vai passar. Não dá pra insistir naquilo que já não tem futuro. Naquele pra sempre que já não existe mais. Por isso eu te deixo ir. Por isso eu me deixo ir. Ir pra um caminho sem dor, sem cobrança, sem medo. Um caminho de saudade, mas um caminho sem mágoa. Um caminho pra onde vou levar um pouco da sua bagagem e com o tempo, sei que já não vou sentir tanto o peso assim. Vou deixar os itens desnecessários pelo caminho e guardar apenas as lembrancinhas mais singelas. Apenas as coisas boas.

Não vai ser fácil, eu sei. Vou sentir muito a sua falta e sei que você vai sentir também. Mas algo que eu aprendi foi que cada coisa tem o seu tempo, tudo acontece quando, como e na duração que tem pra nos ensinar o essencial. Não foi em vão, mas acabou. Uma hora vai ficar tudo bem. Agora é deixar ir embora. 

As pessoas diziam que não daria certo. Deu certo sim, por muito tempo deu. Deu certo nos abraços apertados e eu te amos sussurrados ao pé do ouvido. Deu certo nas conversas longas e nas tardes de domingo. Deu certo no respeitoso "Não dá mais". Deu certo no "Te desejo toda a sorte do mundo. Foi incrível ter você na minha vida". Deu certo no amor que nunca vai morrer. No amor que vai se transformar em carinho, amizade ou memória. Em qualquer coisa, mas que não vai morrer. 

Agora é deixar ir.




Você poderá gostar também de:

0 comentários

Instagram Jéssica

Comentários Recentes